NOTÍCIAS

Itupeva: com orientação do Estado, novo prazo de intervalo da 3ª dose cai para 4 meses

O Governo de São Paulo reduziu para quatro meses o intervalo da aplicação da dose adicional (terceira dose) da vacina contra a Covid-19. A medida é uma recomendação do Comitê Científico do Coronavírus do Estado, diante do atual cenário epidemiológico da doença no mundo e a proximidade das festividades de final de ano. A medida passa a valer a partir desta sexta-feira (3) em Itupeva.

A nova orientação vale para quem tomou as duas doses dos imunizantes do Butantan/Coronavac, da Fiocruz/AstraZeneca/Oxford e da Pfizer/BioNTech .

Além do cenário epidemiológico ao redor do mundo, a medida levou em consideração que São Paulo é porta de entrada, via portos e aeroportos, de pessoas de todo o mundo e o Brasil ainda não tem a obrigatoriedade da apresentação de comprovante de esquema vacinal completo para os viajantes.

Os que tomaram o imunizante de dose única da Janssen poderão receber a dose adicional do mesmo imunizante com intervalo a partir de dois meses. No entanto, na ausência da vacina da Janssen, que é o que acontece com estado de São Paulo, já que o Ministério não disponibilizou doses adicionais deste imunizante, é possível ser administrada uma dose adicional da Pfizer (vacina de RNA mensageiro).




COMENTÁRIOS







VEJA TAMBÉM



NOTÍCIAS  |   22/01/2022 11h30

Itupeva - SP
 




NOTÍCIAS  |   21/01/2022 07h01

Itupeva - SP
 

NOTÍCIAS  |   20/01/2022 08h48

Itupeva - SP